Roma e sua basílica mais bacana: a Basilica Papale di San Paolo fuori la Mura

Roma e sua basílica mais bacana: a Basilica Papale di San Paolo fuori la Mura


Basílica Papal de São Paulo

Interior da Basílica Papal de São Paulo

Roma é um museu a céu aberto... O tipo de cidade que só andar por suas ruas, somente contemplado e nada mais, já vale a viagem! Uma metrópole de milênios e não apenas de séculos, como o caso das cidades do Brasil e de tantas outras espalhadas pelo globo terrestre... Muitas edificações ainda de pé, ruínas e escavações compõem seu cenário e, para os amantes da história, é um destino de tirar o fôlego.

Basílica Papal de São Pedro

Acontece que quando decidimos conhecer um destino, dificilmente optamos por andar somente em suas vias: a gente se programa para conhecer museus, pontos turísticos e por aí vai... Por mais que Roma já seja incrível a céu aberto, como não ir entrar em seus prédios mais emblemáticos? Como ficar sem entrar no Coliseu? Como deixar de apreciar todo o conjunto de ruínas do Fórum Romano e Paladino bem de pertinho? Como não conhecer o interior do Museu do Vaticano? Como não entrar em suas capelas, igrejas, catedrais e suntuosas basílicas (todas com entradas gratuitas)?

Fraternita" Moastica delle Sorelle di Gerusalemme


Se te falta grana para conhecer os museus e pontos turísticos que cobrem pelo ingresso, não fique só perambulando pelas ruas: corra para os templos católicos. São construções históricas e belíssimas, de grande valor arquitetônico e repletas de riqueza: pedras preciosas, ouro, prata, quadros, esculturas, entre outras coisas de imenso valor estão lá dentro a sua espera.

Basílica de S. Cosme e Damião

E as basílicas papais são a cereja do bolo existente no mundo católico; a realeza dos tempos religiosos, que tem o dom de encantar e emocionar até o mais cético dos ateus; basílica de São Pedro, São João de Latrão, Santa Maria Maior e São Paulo fora dos Muros são os templos maiores do catolicismo!


As três primeiras são sensacionais e ficam dentro dos muros da cidade, o que significa que podem ser percorridas a pé, dependendo da disposição do visitante (este foi o meu caso) o que não configura em nenhum tipo de sacrifício, uma vez que a melhor maneira de conhecer um lugar de verdade batendo perna e não dentro de um carro, ônibus ou transporte público...

Basílica Papal de São João

Basílica Papal de Santa Maria Maior

Particularmente, a Basílica de São Paulo foi a que mais me encantou e para mim é o melhor templo papal para visitação em Roma. Ela está um pouquinho distante da região central e fora dos muros da cidade, recebendo um fluxo de visitantes bem inferior do que as demais, mas, esse fator não lhe tira o brilho; ao contrário: o menor volume de visitação significa menos filas, mais tranquilidade e liberdade para apreciar melhor o belo e imponente templo.

Interior da Basílica Papal de São Paulo


Perfumes 728x90

Um outro fator de impacto foi descobrir que ela está erguida sobre o local que o apóstolo Paulo foi enterrado após sua decapitação; os restos mortais estão no interior da basílica e o sarcófago do santo católico pode ser apreciado por qualquer visitante tranquilamente, dando, inclusive, para fazer uma prece sem grandes dificuldades de frente para ele...

Entrada para o sarcófago de São Paulo

Sarcófago de São Paulo

A basílica é a segunda maior em tamanho perdendo apenas para a de São Pedro e a arquitetura difere das demais, com linhas mais sóbrias, retas e menos detalhes em sua edificação... Contudo as fachadas mais simples e retilíneas (um pouco menos chamativas que das demais basílicas) são compensadas por um enorme mosaico dourado que reflete a luz do sol e com um lindo átrio composto por 150 colunas e uma belíssima estátua do apóstolo no centro.

Átrio da Basílica Papal de São Paulo


O interior do templo é de uma beleza singular e muito grandioso, possuindo colunas de alabastro, com um belíssimo candelabro do século XII e preciosos mosaicos dourados (alguns do século XIII). Infelizmente alguns incêndios acometeram, a basílica, desde a sua construção e, dentre eles, o que mais causou estragos foi o de 15 de julho de 1823, resultando na destruição quase completa da basílica que, até então, era a única, dentre todas as igrejas de Roma, que havia preservado seu formato original (1435 anos de preservação).

Átrio da Basílica Papal de São Paulo

Em 1840 ela foi reaberta ao público, completamente restaurada. Durante a restauração, que foi feita por Luigi Poletti, o templo contou com a ajuda financeira de outros países, além de vários presentes de líderes de nações, entre eles: pilares de alabastro (vice-rei do egito) e pedras preciosas malaquita e lápis-lazuli (imperador da Rússia). Vale dizer que a belíssimo templo está elevado ao status de monumento nacional.

Átrio da Basílica de São Paulo

Uma das entradas da Basílica de São Paulo

Como podem ver, a Basílica de São Paulo é um dos pontos mais interessantes e importantes da capital romana: é um passeio sensacional para os amantes da da arte, história do cristianismo e para que os querem fugir um pouco do enorme fluxo turístico de Roma e das imensas filas das demais basílicas papais...

A riquíssima ornamentação da Basílica de São Paulo

Deixe-se perder na sensação de paz e tranquilidade que dominam este importante santuário religioso e transforme sua experiência na Cidade Eterna ainda mais especial... Quer saber mais coisas de Roma, de suas igrejas e da incrível Basílica de São Paulo Extramuros? Pode me perguntar que eu conto tudo!

Jansen Sarmento







Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário

Hoteis, Pousadas, Hostels, Campings, Casas e Apartamentos: você encontra tudo isso no booking.com

Viagens Nacionais e Internacionais: você encontra no Hotel Urbano.

Populares

Quem sou eu

Minha foto
Muito prazer: me chamo Jansen Sarmento! Sou Guia de Turismo, Consultor de Viagens e Psicólogo. Atuo de forma autônoma com guiamentos turísticos, criação de roteiros personalizados, elaboração e planejamento de todo o processo de viagem. Criei esse espaço com a intenção de falar sobre assuntos que abordem viagens e cultura, de maneira geral... Meu objetivo é compartilhar informações que considero relevantes sobre os temas e dividir informações e experiências de viagem, com todos que tiverem interesse. Desejo, não só falar sobre o conhecimento que adquiri, como também aprender com cada um de vocês, pois, estamos sempre descobrindo algo novo e trazendo conosco a marca de um outro alguém no decorrer de nossa existência... Sejam muito bem vindos e vamos juntos vivenciar novas experiências!