Mãe suficientemente boa é a que se torna desnecessária

Mãe suficientemente boa é a que se torna desnecessária 




"A grande meta de uma boa mãe é se tornar desnecessária para o seu filho". (frase psicanalítica)


Em uma primeira leitura, essa citação soa estranha... Como assim uma mãe se tornar desnecessária para o seu filho!? 


Contudo, este desnecessário não tem a ver com falta de importância ou diminuição de afetos; tem a ver com o desabrochar para a vida, com o deixar ser livre para voar! 


Cuidar da beleza faz bem... Cuidar da beleza é terapêutico! Clique aqui e confira esta e outras ofertas imperdíveis que a Natura tem para você! 


Não é uma tarefa fácil, mas, é preciso que aqueles que assumem um lugar materno na vida de alguém, passem por cima da super proteção e permitam que suas crias façam seu próprio caminhar!


Talvez seja neste ponto, entre o desejo de cuidar para sempre e a dor de entender que é hora de deixar ser livre para viver, se tornando assim desnecessária, que mais uma vez o relacionamento volte a ter a força de outrora, se tornando, até mesmo mais forte que antes, pois, mesmo sem ter a necessidade de estar junto, o filho sempre retorne ou permaneça por perto, sem se sentir aprisionado, por gosto, por amor...


É para minha mãe, que se tornou desnecessária, mas, que amo estar próximo dela e para todas as outras que já passaram por este processo e para as que ainda vão passar, que desejo um ótimo dia das mães. 


Psicólogo Jansen Sarmento 

CRP: 05/38624

(21) 98337-2725 

Atendimento On line

Proxima
Esta é a mais nova atual página
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário