Não tente mudar o outro; mude você!

Sobre o desequilíbrio emocional e seus sintomas

Sobre o desequilíbrio emocional e seus sintomas



O desequilíbrio emocional é marcado por alterações de humor e pela facilidade em se descompensar diante de situações imprevistas e negativas. Fatores como frustrações, relacionamentos amorosos, assuntos profissionais, responsabilidades do dia a dia e  adequação aos padrões sociais são alguns dos desencadeadores de crises.

Alguns são mais sensíveis e  suscetíveis a tais acontecimentos, contudo, qualquer pessoa pode ser acometida por um momento de desequilíbrio. As emoções estão presentes em todas as situações da vida e, quando elas estão em desarmonia, podem desencadear comportamentos que resultem em prejuízos nos relacionamentos, atingindo assim, a saúde emocional e também a física.

Seguem abaixo alguns dos sintomas mais comuns no quadro de desequilíbrio e algumas soluções para lidar melhor com este problema que afeta tantas pessoas ao nosso redor:

Descontrole:

Um dos principais sinais do desequilíbrio emocional, o descontrole acontece mesmo sem motivos para o abalo emocional. A pessoa tende a ficar tensa sem conseguir controlar suas ações e dificlmente conseguem se tranquilizar ou agir com calma, perdendo, assim, o domínio próprio. O resultado quase sempre é o arrependimento e porquês sobre os atos cometidos.

Irritabilidade:

Outro sinal evidente (e que caminha lado a lado do descontrole) é a irritabilidade, que costuma acompanhar o indivíduo, mesmo nas situações mais leves e corriqueiras. Embora a irritabilidade não costume resultar em grandes momentos de exaltação e fúria, dificilmente conseguiremos ver a pessoa lidar calmamente com as questões que a cercam.

Insônia:

Quem sofre com desequilíbrio emocional não tem o hábito de dormir bem e geralmente passam suas noites em claro, com a mente acelerada, pensando na situação em que estão vivendo. Além da inquietação e da falta de sono, há ainda o reflexo no dia posterior, trazendo prejuízos ao funcionamento do corpo e da mente.

Dores:

Uma das primeiras manifestações do desequilíbrio emocional, as dores físicas são uma constante em quem sofre o problema, mas, é na dor de cabeça que ocorrem os principais sintomas do problema. Taquicardia, dores musculares, formigamento são outras expressões físicas encontradas.

Falta de Concentração:

Quem sofre com o desequilíbrio de suas emoções apresenta sérias dificuldades para se concentrar. Geralmente são mais distraídas que o normal e tendem a parecer viver num mundo paralelo, sem conseguir manter o foco, por mais que a situação seja interessante e antes do descontrole lhe chamasse atenção. Tais comportamentos resultam na queda de produtividade e no esvaziamento em todas as esferas da vida da pessoa.

Como pode ser percebido, o desequilibrado emocional pode afetar a vida de alguém negativamente em diversas esferas e por isso vale a pena prestar atenção no que pode estar causando tamanho desconforto.

As causas podem ser em decorrência de problemas pessoais, familiares, de saúde ou até mesmo excesso de trabalho. Vale a pena tentar descobrir os motivos e buscar alternativas para a sua resolução. Vale dizer que a alternativa de esconder ou fingir que nada está acontecendo, que é escolhida pela maioria só agrava ainda mais a situação.

Nesta busca para descobrir as causas, é fundamental o exercício de administrar as  emoções: otimismo, autocontrole, autoconfiança e inteligência emocional são algumas das armas que vão te ajudar a combater este mal e te fazer viver melhor.

Caso a sua busca e reflexão te faça perceber sua impotência para conseguir mecanismos de solucionar as situações de descontrole emocional, saiba que a terapia pode te ajudar; ela é uma importante aliada e pode ser a chave para abrir as portas que estão fechadas para a resolução dos seus problemas.

Desequilíbrio emocional é coisa séria e saber aprender a lidar com as emoções é essencial para alcançar uma vida de melhor qualidade, além de aumentar suas possibilidades de sucesso pessoal e profissional. Se está difícil pra você alcançar seu equilíbrio, a terapia te ajuda a mudar... Pense nisso!

Psicólogo Jansen
CRP: 05/38624
(21) 99131-6295
Atendimento ON LINE, Presencial e Domiciliar.

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário