Viva e experiência de se sentir um legítimo cidadão carioca:

City Tour e Passeios Dia de Ser Carioca

Dia de Ser Carioca: faça sua reserva on line!

Museu das Civilizações Negras: a maior coleção de arte da África

Museu das Civilizações Negras: a maior coleção de arte da África


Em dezembro do ano de 2018, o país do Senegal agraciou o mundo com a inauguração de um dos espaços culturais mais relevantes do globo terrestre! Trata-se do Museu das Civilizações Negras: a maior coleção de Arte da África!



A espera foi grande: a proposta da construção de um instituto dedicado ao patrimônio cultural das civilizações da África Negra foi idealizado em 1966 pelo então presidente Leopold Senghor, porém, o projeto se arrastou por décadas em decorrência de dificuldades financeiras.





O museu tem catorze mil metros quadrados, com capacidade para abrigar até 18 mil itens e suas dimensões são comparáveis ao Museu Nacional de História Afro-Americana, em Washington, nos Estados Unidos. É composto por salas de exposições e conferências, escritórios administrativos, centro multiuso, auditório e outros espaços.

 photo header-achados-natura-mobile_zpso6hf37f0.jpg 





O centro cultural é dedicado ao desenvolvimento das civilizações negras na África e tem como proposta uma nova forma de apresentação da África ao mundo, onde o visitante fará uma viagem pelo período neolítico, conhecerá o desenvolvimento de nações como a Núbia, Egito e Etiópia, passará pelo período da Idade do Ferro e terminará sua jornada na África moderna, do século XXI.


O espaço possui cenografia e dispõe de vários recursos tecnológicos para dialogar pinturas, esculturas, máscaras e outros objetos. As exposições inaugurais foram distribuídas em ateliês que estabelecem continuidade histórica da evolução do continente africano e suas contribuições para o patrimônio científico, técnico e cultural da humanidade.

Dakar, Senegal

Entre as mostras disponíveis estão a “Africa Now” de arte africana contemporânea, “The Caravan and the Caravel”, que conta o comércio escravo através do Oceano Atlântico e do Deserto do Saara e “Women of the Nation”, que retrata mulheres de ascendência africana, com trabalhos de artistas do Mali, Burkina Faso, Cuba e Haiti.





O museu, que está localizado em Dakar, capital do pais, foi parcialmente financiado com dinheiro da China, que viabilizou 34 milhões de dólares  para o projeto. Vale ainda dizer que países como a Nigéria e o Benin também tocam projetos para divulgar e valorizar as civilizações africanas... As civilizações do mundo agradecem! 


Jansen Sarmento

Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »

1 comentários:

Clique aqui para comentários
blog da amizade
Administrador
14 de março de 2019 09:40 ×

Quer ter um negócio altamente lucrativo na internet? Antes de tentar uma próxima coisa assista esse treinamento.
Acesse o meu link: https://cursogratis.trabalhovirtual.live/

Parabéns blog da amizade
Responder
avatar
Obrigado pelo seu comentário