Não tente mudar o outro; mude você!

Sobre a Arte de Ressignificar

Sobre a Arte de Ressignificar



Você já viveu alguma relação, seja ela amorosa, familiar, de amizade ou profissional, que por conta de algum motivo, parecia estar fadada ao desgaste e ao fim, onde, conseguiu reavê-la e acender a chama dos sentimentos, dando a ela uma nova roupagem?

Caso sua resposta seja positiva, isto significa que houve uma ressignificação e que ambas as partes entenderam que os sentimentos existentes eram maiores que os defeitos, dores e mágoas existentes...  Isto é a arte de ressignificar!

Mas, não se engane ao dizer que é possível fazer isso em qualquer ocasião: ressignificar não é uma tarefa fácil e também não pode acontecer sem o interesse ou consentimento de ambas as partes. 

É uma ação mútua, que jamais ocorrerá sem a existência de um forte sentimento, sem o desprendimento dos orgulhos pessoais, sem a abdicação dos egoísmos e, principalmente sem uma real liberação de perdão.

Também é importante não confundir ressignificação com passividade ou permissividade, uma vez que em ambas as situações, o relacionamento não toma novos rumos, não ganha uma nova roupagem e a própria relação não muda, permanecendo tão prejudicial e tóxica como outrora...

Portanto, é importante uma profunda reflexão acerca de si mesmo e das suas relações para não cair em armadilhas e de, ao invés de se ter de volta uma relação saudável e ressignificada, seese caindo na armadilha do mais do mesmo, ou pior ainda, da toxicidade.


Assista ao Vídeo sobre a Arte de
Ressignificar no meu Canal do YouTube

E você só consegue perceber isso se realmente se conhecer e souber ressignificar a própria existência. Não existe ressignificação com o outro se ela não acontecer consigo mesmo, pois, é a partir do autoconhecimento que se pode viver a vida de forma saudável e com qualidade.

Vale a pena parar para pensar sobre isso e avaliar como anda a sua relação consigo mesmo e com o seu próximo. E se em sua avaliação, houver a percepção de que não aconteceram mudanças, nem o respeito próprio, talvez esteja na hora de procurar ajuda especializada. A terapia pode ser a solução... Pense nisso!

Psicólogo Jansen Sarmento
CRP: 05/38624
(21) 98337-2725 - 99131-6295
Atendimento Psicológico On Line


Proxima
« Anterior
Anterior
Proxima »
Obrigado pelo seu comentário